One Piece | Comparação Anime x Mangá do episódio 943

O episódio 943 de One Piece adaptou acontecimentos dos capítulos 944 (páginas 14-17) e 945 (páginas 3-11) do mangá de Eiichiro Oda.

 Zoro enfrenta Kyoshiro e Sanji enfrenta X Drake enquanto Usopp leva Toko para um lugar seguro.

O Orochi Oniwabanshu chega para deter os Piratas do Chapéu de Palha. Law chega à prisão da cidade de Rasetsu para resgatar seus companheiros capturados, mas é impedido por Hawkins.

Em Udon, Queen tortura Kid e Killer, para consternação de Luffy, que exige a retomada do Inferno Sumô. No entanto, Big Mom chega à prisão em busca de comida.

Confira na galeria de imagens uma comparação entre anime e o mangá feita por fãs da adaptação dessas cenas.

Além disso, o anime fez as seguintes modificações:

  • Kyoshiro desaparece em uma nuvem de fumaça quando o Orochi Oniwabanshu chega.
  • Nami, Robin e Usopp são brevemente confrontados pelo Oniwabanshu antes de Brook intervir.
  • Hawkins aponta sua espada para Law antes de infligir um ferimento em seu braço.
  • Sanji derrota Drake com ataques de Diable Jambe, porém no mangá Sanji simplesmente foge.
  • Fujin tenta atacar Zoro com um ataque aéreo após ele resgatar Hiyori.
  • Zoro corta Raijin no mangá, mas no anime ele só o empurra.
  • Luffy usa haki no braços ao tentar socar Queen.
  • No mangá, Queen dança enquanto Luffy diz que Kid não tem nada a ver com ele.

O que ficou melhor? O mangá ou o anime?

Deixe sua opinião nos comentários!


➡️ Adicione o Geekdama ao seu feed do Google Notícias. Geekdama no Google News

➡️ Siga Geekdama nas redes sociais: Facebook | Instagram | Telegram | Whatsapp | Twitter

Encontrou erros ou informações desatualizadas nesta matéria? Tem sugestões? Entre em contato conosco.


Kelly Ribeiro
Kelly Ribeiro
Kelly Ribeiro é co-fundadora, editora-chefe, redatora e gerente de comunidades do Geekdama. Com formação em Comunicação Social e Cinema Digital, além de especializações em Marketing e Jornalismo Digital, Kelly supervisiona a produção de conteúdo do portal. Em 2022 foi uma das selecionadas no programa Aceleradora de Comunidades da Meta.

Matérias relacionadas